2

Alices

Fiz uma busca e me surpreendi que nunca comentei disso. Se você esteve fora da internet pela última década, aí vai uma super dica.

O Gato apenas sorriu quando viu Alice. Ele parecia bem natural, ela pensou, e tinha garras muito longas e muitos dentes grandes, assim ela sentiu que deveria tratá-lo com respeito.

"Gatinho de Cheshire", começou, bem timidamente, pois não tinha certeza se ele gostaria de ser chamado assim: entretando ele apenas sorriu um pouco mais. , "Acho que ele gostou", pensou Alice, e continuou. "O senhor poderia me dizer, por favor, qual o caminho que devo tomar para sair daqui?"

"Isso depende muito de para onde você quer ir", respondeu o Gato.

"Não me importo muito para onde...", retrucou Alice.

"Então não importa o caminho que você escolha", disse o Gato.

"...contanto que dê em algum lugar", Alice completou.

"Oh, você pode ter certeza que vai chegar", disse o Gato, "se você caminhar bastante."

"Alice sentiu que isso não deveria ser negado, então ela tentou outra pergunta.

"Que tipo de gente vive lá?"

"Naquela direção", o Gato disse, apontando sua pata direita em círculo," vive o Chapeleiro, e naquela, apontando a outra pata, "vive a Lebre de Março. Visite qualquer um que você queira, os dois são malucos."

"Mas eu não quero ficar entre gente maluca", Alice retrucou.

"Oh, você não tem saída", disse o Gato, "nós somos todos malucos aqui. Eu sou louco. Você é louca."

"Como você sabe que eu sou louca?", perguntou Alice.

"Você deve ser", afirmou o Gato, "ou então não teria vindo para cá."
Alices não necessariamente são más, ou um modelo de anti-mãe. O grande problema é que vivem alienadas, no país das maravilhas. No mundinho cor-de-rosa, o Gato poderoso decide o caminho, porque ela não sabe para onde quer ir. Não toma as rédeas da vida, só quer ter o quartinho do ano na revista da moda.

Não costumam ser más, mas costumam ser burras e/ou ignorantes.

2 comentários:

)O( Julia Luah )O( disse...

muito bom...merece ser partilhado.
não?! vou linkar pra cá...beijos

Ártemis disse...

Julia,

Este ou qualquer outro texto meu que esteja no blog pode ser copiado/replicado parcialmente ou integralmente, desde que se coloque o link para o texto original ;)

Algumas pessoas não gostam que se façam cópias 'integrais', mas eu não ligo não rs

Back to Top